Defesa de Sérgio Cabral vai ao STF pedir anulação de condenações, inspirados na vitória de João Vaccari Neto
18/01/2024

PUBLICIDADE

Advogados de defesa de Sérgio Cabral pediram ao STF que anule as condenações do ex-governador do Rio de Janeiro proferidas pelo juiz Marcelo Bretas em 2017.

A base do pedido é a tese de que o TRF-2 não tinha competência para julgar o caso, e por isso, os advogados solicitam que o processo seja remetido à Justiça Eleitoral para um novo julgamento.

Cabral foi condenado a 45 anos e dois meses de prisão por participação em organização criminosa, lavagem de dinheiro e corrupção passiva.

A defesa se baseia em um precedente envolvendo o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, onde as sentenças foram anuladas por incompetência da Justiça Federal.

Os advogados alegam que os casos são análogos e defendem a mesma decisão para Cabral.

PUBLICIDADE

AD
Artigo